quarta-feira, 21 de outubro de 2020

ANIVERSÁRIO DOS 111 ANOS DO DNOCS

Mas meus colegas Denoquianos nos seus 111 anos de fundação não tem muito o que comemorar hoje nosso DNOCS atualmemte sem destino no Ceará quase 27 açudes sem administradores e seus escritórios estão fechando por falta de pessoas, estes si aposentando e não tem um concurso público na nossa Autarquia Federal, para repor o quadro funcional. Falta o Governo colocar seus Diretores do próprio quadro funcional para seu fortalecimento. Não Diretores com apadrinhados políticos para exerce este cargo minucioso da mais velha Autarquia de nossa República. Sou filho de Funcionário do DNOCS quando nasci em seu núcleo habitacional em 1957 nunca sai do DNOCS pois, conheço toda sua evolução mas no momento é a tristeza que me deixa sem palavras. Mas ainda acredito nos homens e as mulheres da manha e da sua Autarquia Federal que faz deste País um alimento de coragem para acordar o espírito progressista do nosso DNOCS. Acorda meu povo não deixamos que as traças e percevejos venham destruir nossa verdadeira história do povo Nordeste através do DNOCS. POR CÉLIO CAVALCANTE RADIALISTA-RG.5880 E JORNALISTA-RG.3232 MTE-CEARÁ.

.

segunda-feira, 17 de agosto de 2020

sexta-feira, 3 de julho de 2020

AGÊNCIA DO BANCO DO BRASIL DE FORQUILHA PRECISA DE UM GERENTE COERENTE PARA COM SEUS CORRENTIAS

Agência do Banco do Brasil de Forquilha, esta necessitando de um Gerente com toda qualidade de bom servidor Público para dar maior atenção seu público correntias. Não se sabe a sua posição administrativa que tem levado a desinteligência deste cidadão entre povo forquilhense pelo mau atendimento. Sabe-se que um Gerente de um Banco é o profissional responsável por trabalhar no gerenciamento de contas bancárias da instituição que lhe a colheu em concurso público dando total apoio seus correntias com prontidão. Este deve Organizar todo ambiente de trabalho bem como: Abastecendo todos os caixas eletrônicos, e disponibilizando um funcionário da instituição financeira para auxiliar nossos Idosos que já são tão humilhados estes vem do sertão em Pau-de-arara uns já doentes com pressão alta e diabete e quando chega para um bom atendimento não são acolhido. Neste caso é preciso que a Câmara Municipal de Forquilha com todos seus edis possam instituir a lei que estabeleça quantas horas para um cliente da Agência permanecer numa fila. Nossas Assembléia Legislativa do estado do Ceará Aprovou a LEI de Nº 13.312, de 17.06.03 (DO 30.06.03), em que em seu Art. 1º. Diz: Todas as agências bancárias estabelecidas no Estado do Ceará ficam obrigadas a manter, no setor de caixas, funcionários em número compatível com o fluxo de usuários, de modo a permitir que cada um destes seja atendido em tempo razoável. Art. 2º. Considera-se tempo razoável, para os fins desta Lei: I – até 15 (quinze) minutos, em dias normais; II – até 30 (trinta) minutos: a) em véspera ou em dia imediatamente seguinte a feriados; b) em data de vencimento de tributos; c) em data de pagamento de vencimentos a servidores públicos; d) em data de início e final de cada mês. Prezado Gerente BB cuida de sua área de trabalho com mais desempenho pois o povo pagar tão caro para ser mau atendido. Estas e outras no diário de notícia de Célio Cavalcante RADIALISTA-RG.5880 e JORNALISTA-RG.3232 MTE-CE.

quinta-feira, 25 de junho de 2020

MERUOCA CIDADE HISTÓRICA DE UM POVO ORDEIRO



Destacamos a história deste povo serrano como pesquisador e me deparo com fatos ativo para vivenciar nosso mundo contemporâneo. Assim começou a primeira vila de Meruoca antes já habitada por índios com a construção do pequeno Oratório religioso passando a Capela N.S.da Conceição de no ano de 1727, este  Patrimônio doado pelo Cel. Sebastiao de Sá e sua mulher Dona Cosma Ribeiro. Seu primeiro Vigário foi o Mons. José Diogo de Sousa Lima de 1880 a 1897. Destaco para o povo religioso desta heráldica cidade a figura de tantos outros Sacerdotes que passaram e deixaram seu legado edificado na história do bronze como foi caso do meu parente inesquecível Mons. José furtado Cavalcante hoje junto de Deus. Meruoca passou a cidade através da Lei 1.153, sancionada pelo governador Raul Barbosa em 22 de Novembro de 1951. O primeiro prefeito desta cidade foi Gregório da Cunha Freire. O patrimônio de bens imóveis e os sítios arqueólogos desta Urbe devem sem tomando pelo IPHAN pelo seu imensurável valor cultural para seu povo plácido. CENAS FORTES Aqui destacam um fato esquecido que estava nos umbrais silenciosos do passado é o misterioso caso do Homem da Caverna de Meruoca no ano de 1947, através das páginas históricas do jornal O POVO. Estou falando de João Vicente que habitou 15 anos em uma caverna após o falecimento de sua noiva Regina a cabocla mais bonita deste lugar. A noiva faleceu e João Vicente ficou a flor da terra quando abandonou o convívio humano  para habitar em uma caverna de 1932 a 1947. FONTE; https://www20.opovo.com.br/app/acervo/noticiashistoricas/2017/09/06/noticiasnoticiashistoricas,3657012/homem-da-caverna.shtml  - Estas e outras no diário de notícia do pesquisador da pré-história Célio Cavalcante membro correspondente do Centro Brasileiro de Arqueologia E da Sociedade Paraibana De Arqueologia-SPA.

quarta-feira, 10 de junho de 2020

FORQUILHA EM PLENO SILENCIOU PARA ENFRENTAR UMA NOVA ADMINISTRAÇÃO POLITICA


Neste período Universal de pandemia o povo desta cidade de Abelardo Cavalcante de Vasconcelos o imortal  Patriarca da Emancipação Politica desta Urbe estão enclausurado em suas residência. Os novos candidatos a serem eleitos alguns estão em seus domicílios fazendo contato direto nas redes sócias com seus eleitores.  Outros sem senso de responsabilidade saem sem ética e vão as residência deste povo sofrido a busca do voto com promessas miolo de pote.  Estes não sabem respeitar o direto individual de seus semelhantes. Aqui termino com esta frase:  A educação é um direito humano fundamental e central na missão da UNESCO. Previsto em vários instrumentos jurídicos internacionais, desde a Declaração dos Direitos humano (1948), o compromisso da comunidade internacional em garantir a realização desse direito foi renovado e ampliado pela Agenda 2030 das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável (ODS), adotados pela comunidade internacional em 2015. Até 2030, acordou-se “assegurar a educação inclusiva e equitativa de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos”  Acorda Forquilha teu povo remerece respeito de cidadania. Por Célio Cavalcante *GUARDIÃO DA ARQUEOLOGIA* Membro corresponde da ACEJI. RADIOAMADOR-RG.PT7ACZ, RADIALISTA-RG.5880, JORNALISTA-RG.3232 MTE-CE.