segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

ÚLTIMA SANTA MISSA DO PAROQUIATO DO PADRE AGNALDO TIMÓTEO DA SILVEIRA NA IGREJA MATRIZ DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS DE FORQUILHA-CEARÁ.

Neste último domingo 14 de janeiro de 2018, aconteceu no patamar da Matriz de São Francisco de Assis do município de Forquilha-Ceará, a última Santa Missa concelebrada pelos Padres: Agnaldo Timóteo da Silveira e Padre Erivaldo Xavier da Silva da Paróquia Nossa Senhora Mãe do Povo criada em São Miguel dos Milagres em Alagoas.  O Bispo Diocesano de Sobral Dom José Luiz Gomes de Vasconcelos  definiu na provisão que o Padre Agnaldo só passaria seis (6) anos na administração apostólica da Matriz de São Francisco de Assim sendo comprido vossa ordem Diocesana. Uma multidão de Cristão forquilhense se fizeram presente para receber as benças do cerimonial religioso e ao mesmo tempo se despedir do ilustre Sacerdote que com muita sabedoria não se envolveu com a política partidária. Este conduzido os destino  de seu rebanho com muita dedicação e amor a seu próximo. Sua maior  função foi ouvir, reunir e orientar as famílias, atender os doentes, administrando os sacramentos, transmitir a Palavra para maior glória de Deus e formação do homem cristão. Reformou a Igreja Matriz dando um instilo fantástico alem de ter construindo o Centro de Pastoral Antonio de Lourdes, reformando e criou algumas Capelas durante seu Paroquiato. Após a Santa Missa a comunidade forquilhense prestou-lhe várias homenagens de Crianças até a terceira Idade. Os Poderes Executivo na Pessoa do Prefeito Gerlásio Loiola e do Vice-Prefeito Regis Prado descerraram uma plana em sua homenagem com o mesmo feito o Presidente do Poder Legislativo Vereador Gerson Freire. O Diretor da Forquilha FM Dr. Carlos Cesar Martins e o Presidente do CDL de Forquilha José Bezerra também homenagearam o Padre Agnaldo com uma placa que edifica sua história em sua passagem na Matriz de São Francisco de Assis de Forquilha. Padre Agnaldo agradeceu as homenagens e disse que sempre quando poder estará aqui para ver seus paroquianos em sua missão de servir a Deus! Por Célio Cavalcante membro correspondente do Jornal Circular e da Sociedade Paraibana de Arqueologia-SPA.