sexta-feira, 3 de julho de 2020

AGÊNCIA DO BANCO DO BRASIL DE FORQUILHA PRECISA DE UM GERENTE COERENTE PARA COM SEUS CORRENTIAS

Agência do Banco do Brasil de Forquilha, esta necessitando de um Gerente com toda qualidade de bom servidor Público para dar maior atenção seu público correntias. Não se sabe a sua posição administrativa que tem levado a desinteligência deste cidadão entre povo forquilhense pelo mau atendimento. Sabe-se que um Gerente de um Banco é o profissional responsável por trabalhar no gerenciamento de contas bancárias da instituição que lhe a colheu em concurso público dando total apoio seus correntias com prontidão. Este deve Organizar todo ambiente de trabalho bem como: Abastecendo todos os caixas eletrônicos, e disponibilizando um funcionário da instituição financeira para auxiliar nossos Idosos que já são tão humilhados estes vem do sertão em Pau-de-arara uns já doentes com pressão alta e diabete e quando chega para um bom atendimento não são acolhido. Neste caso é preciso que a Câmara Municipal de Forquilha com todos seus edis possam instituir a lei que estabeleça quantas horas para um cliente da Agência permanecer numa fila. Nossas Assembléia Legislativa do estado do Ceará Aprovou a LEI de Nº 13.312, de 17.06.03 (DO 30.06.03), em que em seu Art. 1º. Diz: Todas as agências bancárias estabelecidas no Estado do Ceará ficam obrigadas a manter, no setor de caixas, funcionários em número compatível com o fluxo de usuários, de modo a permitir que cada um destes seja atendido em tempo razoável. Art. 2º. Considera-se tempo razoável, para os fins desta Lei: I – até 15 (quinze) minutos, em dias normais; II – até 30 (trinta) minutos: a) em véspera ou em dia imediatamente seguinte a feriados; b) em data de vencimento de tributos; c) em data de pagamento de vencimentos a servidores públicos; d) em data de início e final de cada mês. Prezado Gerente BB cuida de sua área de trabalho com mais desempenho pois o povo pagar tão caro para ser mau atendido. Estas e outras no diário de notícia de Célio Cavalcante RADIALISTA-RG.5880 e JORNALISTA-RG.3232 MTE-CE.

quinta-feira, 25 de junho de 2020

MERUOCA CIDADE HISTÓRICA DE UM POVO ORDEIRO



Destacamos a história deste povo serrano como pesquisador e me deparo com fatos ativo para vivenciar nosso mundo contemporâneo. Assim começou a primeira vila de Meruoca antes já habitada por índios com a construção do pequeno Oratório religioso passando a Capela N.S.da Conceição de no ano de 1727, este  Patrimônio doado pelo Cel. Sebastiao de Sá e sua mulher Dona Cosma Ribeiro. Seu primeiro Vigário foi o Mons. José Diogo de Sousa Lima de 1880 a 1897. Destaco para o povo religioso desta heráldica cidade a figura de tantos outros Sacerdotes que passaram e deixaram seu legado edificado na história do bronze como foi caso do meu parente inesquecível Mons. José furtado Cavalcante hoje junto de Deus. Meruoca passou a cidade através da Lei 1.153, sancionada pelo governador Raul Barbosa em 22 de Novembro de 1951. O primeiro prefeito desta cidade foi Gregório da Cunha Freire. O patrimônio de bens imóveis e os sítios arqueólogos desta Urbe devem sem tomando pelo IPHAN pelo seu imensurável valor cultural para seu povo plácido. CENAS FORTES Aqui destacam um fato esquecido que estava nos umbrais silenciosos do passado é o misterioso caso do Homem da Caverna de Meruoca no ano de 1947, através das páginas históricas do jornal O POVO. Estou falando de João Vicente que habitou 15 anos em uma caverna após o falecimento de sua noiva Regina a cabocla mais bonita deste lugar. A noiva faleceu e João Vicente ficou a flor da terra quando abandonou o convívio humano  para habitar em uma caverna de 1932 a 1947. FONTE; https://www20.opovo.com.br/app/acervo/noticiashistoricas/2017/09/06/noticiasnoticiashistoricas,3657012/homem-da-caverna.shtml  - Estas e outras no diário de notícia do pesquisador da pré-história Célio Cavalcante membro correspondente do Centro Brasileiro de Arqueologia E da Sociedade Paraibana De Arqueologia-SPA.

OUÇA A FORQUILHA FM 98,7 MHz NO SEU CELULAR OU NO SEU COMPUTADOR


AOS DOMINGOS DAS 08:15 ÀS 11:00 HORAS, O PROGRAMA FORQUILHA ONTEM HOJE E SEMPRE SOBRE APRESENTAÇÃO DESTE AMIGO DE VOCÊS CÉLIO CAVALCANTE NA FORQUILHA FM 98.7 MHZ. OUÇA NO SEU CELULAR OU NO SEU COMPUTADOR NESTES DOIS LINKS: www.forquilhafm.com.br ou http://www.radios.com.br/aovivo/radio-forquilha-987-fm/35189

quarta-feira, 10 de junho de 2020

FORQUILHA EM PLENO SILENCIOU PARA ENFRENTAR UMA NOVA ADMINISTRAÇÃO POLITICA


Neste período Universal de pandemia o povo desta cidade de Abelardo Cavalcante de Vasconcelos o imortal  Patriarca da Emancipação Politica desta Urbe estão enclausurado em suas residência. Os novos candidatos a serem eleitos alguns estão em seus domicílios fazendo contato direto nas redes sócias com seus eleitores.  Outros sem senso de responsabilidade saem sem ética e vão as residência deste povo sofrido a busca do voto com promessas miolo de pote.  Estes não sabem respeitar o direto individual de seus semelhantes. Aqui termino com esta frase:  A educação é um direito humano fundamental e central na missão da UNESCO. Previsto em vários instrumentos jurídicos internacionais, desde a Declaração dos Direitos humano (1948), o compromisso da comunidade internacional em garantir a realização desse direito foi renovado e ampliado pela Agenda 2030 das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável (ODS), adotados pela comunidade internacional em 2015. Até 2030, acordou-se “assegurar a educação inclusiva e equitativa de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos”  Acorda Forquilha teu povo remerece respeito de cidadania. Por Célio Cavalcante *GUARDIÃO DA ARQUEOLOGIA* Membro corresponde da ACEJI. RADIOAMADOR-RG.PT7ACZ, RADIALISTA-RG.5880, JORNALISTA-RG.3232 MTE-CE.

quinta-feira, 4 de junho de 2020

CÉLIO CAVALCANTE GUARDIÃO DA ARQUEOLOGIA

Sou um Detetive que investiga a Pré-história no campo desta Ciência mais bela do Século XXI, chamada de Arqueologia. Estamos trabalhando voluntariamente deste o ano de 1989, quando foi lançado o Livro "Sítios Arqueológicos Encontrado na Região Norte do Ceará" escrito pelo saudoso professor de história, Padre João Mendes Lira da Universidade Estadual Vale do Acaraú - UVA. Suas descobertas foram proveitosas para o mundo Científico da Arqueologia. O Mesmo andou em vários municípios Cearenses, descobrindo sítios de pinturas rupestres, a latitude de suas caminhadas é um espelho que entrelaçaram nos corações da humanidade, para preservamos a beleza de nossos antepassados. Foi com esta atitude que mesmo nos procurou, para dar continuidade, suas vitórias. Aqui posso dizer: “Aí da humanidade se não fosse estes profissionais, que na sua plenitude torna-se possível conhecer as épocas mais remotas da História da Humanidade, anteriores ao aparecimento da escrita (tempos pré e proto-históricos), bem como as épocas mais recentes”. Tenho curso Técnico em Arqueologia e título de Guardião da Arqueologia a me outorgado pela Dra Maria da Conceição de Morais Coutinho Beltrão Doutora em Arqueologia e Geologia pela UFRJ.

sábado, 30 de maio de 2020

RECORDANDO A PASSAGEM DE FRANCISCO RUFINO DE SOUSA FILHO EM FORQUILHA

Era uma quarta feira 04 de Outubro de 1990, o município de Forquilha tinha decretado feriado municipal pelo dia do nosso Padroeiro São Francisco de Assis. As ruas desta heráldica cidade do Patriarca da Emancipação Sr. Abelardo Cavalcante de Vasconcelos estava em silêncio. Da cidade maravilhosa do Rio de Janeiro vieram uma caravana de conterrâneos que vieram reza ao Santo Padroeiro. Chiquinho Rufino o atleta do gol de ouro das seleções desta terra o lhe viu crescer chegou a casa de seus genitores para aquela benção, onde mais tarde encontrou seu futuro sogro Chico Felipe que lhe acolheu com sua sogra Dona Leonezia que lhe deram sua amada Precisa a Casamento Luisinha sendo seus Padrinhos Célio Cavalcante e Lucineide Vasconcelos. A festa se estendeu para o Bar o Saraiva onde ali estavam nossos amigos Forquilhense conforme o registro fotográfico: Chiquinho Rufino, Nilo Oliveira (Prefeito da Boiuna-JPA, Francisco Felipe, Francisco Rufino de Sousa, SD/PM Francisco do seu Jonas Rodrigues, Elder Fonfom, Francisco Frota, Valdecir Saraiva e seu genitor Raimundo Saraiva de Sousa e este amigo de vocês Célio Cavalcante Pesquisador da Pré-história que termina com esta frase: No final, a vida não é as riquezas que acumulamos, mas os bons momentos que desfrutamos com quem amamos, respeitamos com a verdadeira amizade solida e as lembranças que guardamos. Estas e outras no diário de notícia de Célio Cavalcante membro correspondente da ACEJI.

sexta-feira, 15 de maio de 2020

OS REGISTROS DOS TREMORES DE TERRA NO ESTADO DO CEARÁ


O sismólogo e coordenador do Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN), Dr. Eduardo Alexandre Santos de Menezes, explica que o estado do Ceará registra 12 mil tremores de terra em dez anos. Com a instalação da Rede Sismográfica do Nordeste do Brasil – RSISNE, sob a coordenação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, e da Rede Sismográfica Integrada do Brasil – BRASIS, sob a coordenação do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo, e da Rede Sismográfica do Centro e Norte do Brasil – RSCN, sob coordenação da Universidade de Brasília. Com todo este amparado cientifica tem aumentando a capacidade de registrar esses tremores de Terra em solo cearense. Em 1980, foi registrado um terremoto de 5,2 graus na escala Richter no município de Pacajus. O que temos de conhecimento, baseado nas últimas três décadas de estudo, é que o Ceará tem algumas áreas consideradas sismicamente ativas, como as regiões de Chorozinho, Palhano, Irauçuba, Sobral, Groaíras, Santana do Acaraú, Hidrolândia  Senador Sá e o planalto da Meruoca. Os Registros sismográficos começaram no século XIX. O primeiro tremor de terra registrado no Ceará foi em Pereiro, em 1807; e o segundo, em Granja, em 1810. A primeira estação sismológica cearense foi a de Itatiaia, no município de Santa Quitéria onde existe uma mina de urânio. o Ceará possui várias falhas geológicas, mas duas que têm mais atividade:  é a de Sobral a Pedro II (Piauí) e a de Icó a Juazeiro do Norte. A outra falha geológica abrange o município de Senador Pompeu, também é ativa, mas com menor proporção. Todos estes trabalhos de estudos sismográfico  é do Laboratório de Sismologia-UFRN que tem parceira da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CEDEC/CBMCE). O radioamador Célio Cavalcante PT7ACZ  membro voluntário da RENER da Cruz Vermelha Brasileira e do Projeto Radioamador amigo do Exército-RAEB, participou de 10 a 13 de dezembro de 2014 em Fortaleza  do I FÓRUM INTERNACIONAL SOBRE EVIDÊNCIAS SÍSMICAS NO CEARÁ. Aquele magno evento foi fruto de um convénio do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará com a Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste,  um espaço de debate e aprendizado sobre a sismicidade no território cearense, onde desde o ano de 1807 quarenta municípios registaram abalos sísmicos. Áudio no link: http://g1.globo.com/ceara/bom-dia-ce/videos/v/especialistas-discutem-tremores-de-terra-no-ceara/3816682/ ***Estas e outras notícias no diário de Célio Cavalcante membro correspondente da ACEJI.